Chinatown

Hoje em dia, a marca registrada do bairro da Liberdade são seus postes de iluminação vermelhos com três luminárias em estilo oriental, instalados nos anos 70. São até simpáticos, mas de gosto duvidoso e decididamente kitsch.

Quarenta anos atrás, a marca registrada do bairro era bem mais autêntica: letreiros luminosos com caracteres orientais, como os das fotos. Infelizmente, foram banidos em 2007.

As três fotos são da rua Galvão Bueno: duas delas no número 54 e a outra uma quadra abaixo, na altura do 148.

É difícil saber a data exata em que as fotos foram tiradas, mas com certeza foi depois de 1967 (por causa dos telefones de sete dígitos) e antes de 1974 (porque os postes vermelhos ainda não não estão lá). No verso de cada uma, duas inscrições que também não deixam saber muito bem a autoria: “Kobayashi/Abril Press” e “Keystone Press Agency, New York”.

Quem gostou deste post provavelmete também vai gostar deste outro.

4 comentários
  1. gustavo giroti disse:

    os cabelos compridos para homens se popularizaram a partir de 1971 no brasil (não que antes não existisse)

    pelos cortes de cabelos tanto das meninas quanto dos garotos chuto 1971

  2. A placa de proibido estacionar com a letra P também não serve de indício? Quando essas placas foram substituídas pelas com a letra E?

  3. Boa pergunda, Alexandre! Não sei quando foram trocadas. Só sei que não lembro delas!

  4. Bem, também deve ter sido entre 1967 e 1974! hehehehehehe

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: