Mordendo a língua

Confesso que eu era um dos que não gostavam da casa dos Matarazzo, na avenida Paulista, com seu jeitão pesado e sua arquitetura fascista. Mas hoje eu mordo a língua. No lugar dela estão construindo uma coisa muito pior.

A foto mistura dois registros: um de 1993, quando a casa ainda estava em pé, e outro de 2011, quando ali funcionava um estacionamento. Hoje o que se vê por lá são as obras de um prédio mastodôntico que abrigará um shopping, escritórios e, claro, milhares de vagas para carros distribuídas em sete andares no subsolo. Tudo cuidadosamente projetado, ao que parece, para entupir ainda mais a região e ajudar a inviabilizar a cidade.

A foto é de Olympio Augusto Ribeiro, a quem agradeço por ter permitido publicá-la aqui.

518

4 comentários
  1. Publiquei ano passado minha indignação por mais um shopping…

  2. Pois é, Martim, hoje em dia as casas devem ser tombadas não mais pelo seu valor histórico, mas para impedir a construção desses monstros que somente piorarão a vida da cidade. Estava mais do que na hora de congelar novas construções em SP e de incentivar reformas de imóveis com incentivos para tal.

  3. crisaide disse:

    Eu tenho a impressão que não aprendemos nunca….São Paulo não precisa de mais shoppings…sinceramente não entendo e nunca vou entender a mentalidade…

  4. Que culpa tem o dono atual do terreno que a mansão não foi preservada?

    Se estão construindo mais um é por que tem gente suficiente para usa-lo, ninguém ameaçado para entrar neles.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: