Salvo melhor juízo

A foto dos anos 50 é do Ibirapuera, e eu a mostrei a vários amigos para ver se alguém conseguia identificar o local exato dentro do parque.

545

Quem deu a resposta mais legal foi a Mariangela Inocencio. Ela acredita que o objeto branco que aparece na extrema esquerda, cortado pela margem da foto, seja o monumento às bandeiras. Se for assim, a moça da foto está de costas para a avenida Pedro Álvares Cabral, e os prédios que aparecem no horizonte são os do final da Paulista e começo do Paraíso. O local hoje seria este:

546

Não sei se está certo, mas parece fazer sentido. A foto antiga é de um site de leilões; a atual é do Google.

Atualização em 7 de julho: O Bento Pereira Bueno, leitor do blog, nos dá uma outra explicação que me parece mais correta. Segundo ele, a foto foi tirada bem ao lado do monumento às bandeiras. O fotógrafo está de costas para o monumento, e o lago que aparece atrás da moça não existe mais: no lugar dele, estão hoje o prédio e o estacionamento da Assembleia Legislativa. E os três cilindros sobre o gramado, que estão entre a moça e o automóvel, são refletores de iluminação do monumento.
Eu me convenci. Tinha mesmo ficado intrigado com esses cilindros, agora entendo o que são!
Nas duas imagens aéreas abaixo (uma de 1958 e a outra atual, ambas reproduzidas de geoportal.com.br), o ponto vermelho mostra o local da foto, descoberto pelo Bento.

547

548

17 comentários
  1. Acredito ser este o angulo mesmo. As arvores no canto direito parecem do parque que fica entre o Circulo Militar, em frente a assembleia legislativa, e a avenida Pedro Alvares Cabral.

  2. E vale lembrar que tanto o Ibirapuera, quanto o Monumento as Bandeiras, foram inaugurados em 1954, em comemoração ao V Centenário da cidade

  3. Maria Sylvia disse:

    Posso até concordar com voces mas … existia lago dos dois lados do monumento ???
    Tenho a impressão que deve ser outro local ….

  4. Pedro Wolthers disse:

    Esta me parecendo que ao fundo vemos a Av República do Líbano.

  5. Lamento discordar, mas Mariangela está enganada.
    A foto mostra os lagos que existam no local – hoje uns aterrados outros dragados .
    O lago – na lateral direita da foto – está exatamente onde, hoje, está localizado o prédio da Assembléia Legislativa.
    As árvores altas à direita são os eucaliptos na esquina com a rua Abílio Soares, ao lado do Clube Militar. Ainda estão lá, se bem que, naquela época, ocupavam os dois lados da rua Abílio Soares .
    Morando ali desde 1944, pesquei muito lambari, cará e traíra nesses lagos até o início das obras para implantação do Parque do Ibirapuera.
    Entre a retratada e o grupo de quatro pessoas atrás dela, nota-se – claramente – três dos antigos refletores de iluminação do Monumento às Bandeiras encobrindo parcialmente o veículo estacionado.

    Marcelo também se enganou quanto à época da inauguração do Monumento às Bandeiras, de Victor Brecheret.
    A Oficina Incerp – encarregada da montagem dos mais de 200 blocos de granito já entalhados – começou em 1951 os trabalhos de instalação no local, hoje Av. Pedro Alvares Cabral.
    A obra foi inaugurada em 25 de janeiro de 1953 – um ano antes da data prevista – por solicitação do artista que, doente antevia sua morte. Desejando participar da inauguração, Brecheret requereu a antecipação ao governador Lucas Nogueira Garcez e foi atendido.

  6. Completando meu comentário anterior vale lembrar que, o Monumento das Bandeiras esta localizado, segundo entendo, nas costas do fotógrafo.

  7. Obrigado, Bento! Eu tinha ficado intrigado mesmo com esses três cilindros. Não imaginava que pudessem ser refletores do monumento! A explicação, agora, faz mais sentido que a da Mariangela. Obrigado aos dois!

  8. Fiz um adendo ao post, com a informação enviada pelo Bento.

  9. Mas as arvores eu acertei, Bento! 😉 . sobre info da inauguração do monumento em 1954: esta no site oficial do parque do Ibirapuera.

  10. Adair flausino.com disse:

    Mais provavel final da paulista com paraiso e o fotografo tirou a foto de costas

  11. Lauriberto Francischelli disse:

    Sr.Bento, poderia confirmar para mim, se nesse lago aterrado (que esta a Assembleia) havia um Restaurante que alugava barcos para os frequentadores remarem ?
    Recordo que quando menino, escondido de minha mãe, eu e uns amiguinhos costumávamos ir ate o lago e ficar olhando, tinha um pier de madeira bem rustico e era muito concorrido por casais de namorados.
    Obrigado.
    Lauriberto Francischelli

  12. Perfeito Bento, agora a sombra faz sentido! A foto foi tirada no fim de uma tarde.

  13. Artur Fonseca Fernandes disse:

    Concordo com as conclusões do autor e da participante.

  14. Lauriberto:
    O restaurante onde eram alugados barcos – e, mais tarde pedalinhos – ficava no outro lago,onde hoje está a fonte luminosa.
    Na foto de 1958, postada no adendo do Martin, o pier dos barcos desse restaurante aparece parcialmente na lateral esquerda, bem embaixo da barra de ampliação.
    Um abraço

  15. Bento Pereira Bueno disse:

    Martin:
    Acho que Nessie tinha não. Esse eu nunca ví!
    Mas a “prova” de motonáutica e o “fusca anfíbio” eu vi e tava lá! ( fim de semana era triste de programas! )
    Caramba, 2001 !!! Parabéns!

  16. Lauriberto Francischelli disse:

    Muito obrigado pela informação. Valeu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: