Eu aposto

A foto não é de São Paulo, mas quem aparece nela é a Beatriz Rivadávia, uma das leitoras mais assíduas do blog.

Beatriz está em frente ao edifício Verde Mar, que seus tios João Artacho Jurado e Aurélio Jurado Artacho, proprietários da construtora Monções, estavam construindo em Santos.

Hoje em dia os empreendimentos imobiliários têm espaço gourmet, praça privativa, fitness center, zen space, cine room, kids place, espaço barbecue, bistrô lounge e muitos outros “diferenciais” que “agregam valor”. Mas eu aposto que nenhum deles tem a sobrinha do dono da construtora posando na frente da obra para o álbum da família.

771
(À Beatriz, agradeço a generosidade de ter compartilhado esta foto conosco.)

5 comentários
  1. Beatriz Rivadavia disse:

    Kkkkk Martin, só você! Quem diria, nessa época, que eu estava posando na frente do prédio mais famoso de Santos por décadas! Foi o precursor de uma arquitetura/ conforto, que não existia. A rampa na frente que atraia todos que por ali faziam o footing e congestionavam a entrada do prédio! Uma varanda na fachada onde os adultos tinham a vista da praia e dos passantes, sem serem vistos ; sala de leitura, de jogos, de carteado, de crianças com playground, para bate papos/namoros de adolescentes e o famoso barzinho, onde aguardávamos ansiosos, nos seus bancos altos, só vistos nos filmes de Elvis Presley, um misto quente no tostex(novidade absoluta) com suco de uva batido no liquidificador, servido em copo alto com espuma. Sem e squecer o fantástico jardim suspenso, no último andar, com pergulas para proteger do sol e uma vista deslumbrante 360graus de Santos. Os adolescentes de Santos e SP lembrarão muito bem, como faziam de tudo para terem amigos que morassem lá, para poderem desfrutar daquele luxo até então desconhecido. Adolescência no Verde Mar. Inesquecível para todos nós que a desfrutamos no fim dos anos 50 e nos 60! Obrigada tio João, por ter sido um homem de visão! Obrigada, Martin, por ser um divulgador da obra dele!

  2. Linda postagem Martin e maravilhoso relato da Beatriz Rivadavia. É tão bom qdo a memória, além de ser preservada é compartilhada com todos. Obrigado aos dois.

  3. Laércio Apparecido Curvelo disse:

    Maravilhosa a foto e o relato da senhora Beatriz, muito obrigado por compartilhar conosco informações desta época linda.

  4. Eric disse:

    Adorei o relato da Beatriz… Post muito bom, Martin. Cada vez mais, gosto mais desse blog. 🙂

  5. Rogerio Vorobow disse:

    Arrepiou e tirou lagrimas. Tive ap lá de 60 a 81, sou apaixonado pelo predio até hoje, apesar de nunca mais ter ido. Parabens Beatriz,e, por favor, se tiver mais fotos, por favor, adoraria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: