Prova dos nove

803

Acho que todo mundo vai gostar desta foto, mas ela é principalmente para quem ficou com dúvidas na de ontem.

As duas são do mesmo local, mas esta aqui nos permite fazer um passeio detalhado pela região.

O prédio em construção que se vê bem à esquerda, quase saindo da foto, é o Copan. Bem em cima dele está a parte de trás do edifício Eiffel, também do Niemeyer, cuja frente olha para a praça da República. Ambos os prédios apareciam também no post  anterior.

Seguindo para a direita a partir do Copan, passamos pela simpática Vila Normanda, ainda intacta em toda a sua cafonice, com seus telhadinhos preparados para receber neve. A vila acabou durando pouco, e esta é com certeza uma das últimas fotos em que ela aparece inteira.

Atrás da Vila Normanda estão as fachadas de alguns prédios da avenida Ipiranga (destaque para o São Luiz, do Jacques Pillon). E à direita dela, bem no meio da foto, outra obra sendo erguida: são os dois blocos do edifício Louvre, de João Artacho Jurado. A Vila Normanda irá embora, mas graças ao Artacho a arquitetura kitsch sobreviverá no local.

À direita do Louvre está a avenida São Luís, com suas árvores e prédios característicos. Nosso passeio termina no palácio episcopal, bem no canto inferior direito, que nos anos 60 dará lugar à Galeria Metrópole.

9 comentários
  1. parabens pelo achado,a construção no canto inferior esquerdo faz parte da vila normanda?

  2. ruy debs disse:

    Que bacana essa foto e que bacana que é este tal de “quando a cidade era mais gentil” do M.J.
    Em adendo ao comentário, o edifício ao fundo do Louvre, está o Pedro Américo, também do Jurado.
    Abraços Martin e já te adianto que roubarei essa foto, com os devidos créditos, evidentemente.

  3. Claudio Bassi Elias disse:

    Prefiro a Vila Normanda do que aquele prédio horrível do Bradesco que fica encrustado no Copan. Ele acabou com a sua fachada. Ficou como uma parasita eterno, sempre querendo aparecer nas fotos do grande Copan.

  4. Concordo que o prédio é feio, Claudio, mas ele já estava no projeto original do Copan!

  5. André Alvarez disse:

    Achei que vc curtia o Artacho rs

  6. Mas eu curto muito!

  7. Luiz disse:

    Se fosse em Blumenau ou em Campos do Jordão a galera estava achando linda. Tirando o Copan, o Edifício Itália e o hotel em frente a região é seria candidata a ter os prédios mais feios do mundo. Só perde, por pouco, A Av. República do Chile no Rio de Janeiro.

  8. Desculpe, mas, se sua localização estiver correta, a pontinha de construção na extrema esquerda, deve ser o EDIFÍCIO ITÁLIA; o LOUVRE, é o prédio de toldos azuis nas janelas, ao fundo; o prédio em construção, com a grua, é o ZARVOS; a construção no centro anterior da foto deve ser o COPAN; o CONDOMÍNIO SÃO LUIZ PLAZA, onde moro há quase 20 anos, está atrás dessa construção e entre o ITÁLIA e o COPAN (onde estão os telhadinhos) hoje está o EDIFICIO NORMANDIA, que tem uma frente para a São Luiz outra para a Ipiranga. Na extrema direita está o EDIFICIO IIPORANGA.
    Não identifiquei o Edificio do BRADESCO, em frente ao COPAN, talvez a construção seja mais recente.

  9. Obrigado pelo comentário, Elza. Na verdade o prédio em obras na extrema esquerda é o Copan mesmo, do qual só vemos uma pontinha. O Itália ainda não aparece, mas ele será construído mais à direita, do outro lado dos telhadinhos da Vila Normanda. O prédio do Bradesco também é mais recente, como vc disse. E o prédio de toldos azuis que vc menciona fica na Ipiranga, esquina com Major Sertório: não sei como se chama, mas está com a fachada modernizada e não tem mais toldos azuis…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: