Uma generosa gorjeta

As quatro fotos são uma excursão que um alegre trio de portugueses fez a São Paulo no final de 1922.

A primeira foi tirada na “sahida da cidade de Santos para São Paulo”, e os portugueses já estão a bordo do automóvel. Não conheço Santos o suficiente para saber que lugar é esse. Mas sei, pela placa A.2571, que o carro era alugado. É que no sistema usado na época, que vigorou entre 1901 e 1941, as placas começavam com P para carros particulares, e A para carros de aluguel.

872

873

A segunda foto é a que eu acho mais interessante.  Aqui encontramos os excursionistas à porta do “Recreio Rio Grande”, onde parecem ter dado uma parada para esticar as pernas. Infelizmente nem tudo o que está escrito na fachada do estabelecimento é legível, mas com um certo esforço eu consegui distinguir algumas palavras: “bebidas”, “especialidades”, “refrescos”, “sandwiches”.

Pelo nome do estabelecimento, estamos provavelmente no atual distrito de Riacho Grande, em São Bernardo do Campo. Na época, a região era conhecida como Rio Grande.

874

E chegando a São Paulo, os portugueses não perderam tempo: foram direto para o museu do Ipiranga, onde bateram mais duas fotos. Nelas, eles aparecem com outros dois personagens: um homem de quepe, que deve ser o motorista, e um garoto de pés descalços que talvez trabalhe como guia, recebendo os turistas que chegam ao museu.

Gosto de pensar que o garoto recebeu dos portugueses uma generosa gorjeta. E fico pensando onde terá ido parar o resto do álbum, pois não quero crer que esses gajos fizeram uma viagem dessas até aqui para visitar só o museu e tirar só quatro fotos.

875

876

4 comentários
  1. Ruy Eduardo Debs Franco disse:

    Rua do Comércio junto ao beco da Rua Conde D’Eu.

  2. Obrigado, Ruy! Eu tinha certeza que um santista da gema como vc ia saber! 🙂

  3. Julio Marcos disse:

    Conhecendo os portugueses a gorjeta não foi das melhores

  4. A parte de são bernardo, onde esta escrito Recreio Rio Grande é o Restaurante João da Ponte, de João Cavinato, hoje Riacho Grande. Ficava as margens da Estrada do Vergueiro (estrada velha do mar) onde hoje ficam as bombas de sucção da água da represa Billings (via anchieta). Tenho a foto de frente do estabelecimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: