Quantas, afinal?

Hoje em dia existe um debate muito intenso a respeito de quantas pessoas são necessárias para trocar uma lâmpada.

Se forem portugueses, são necessários três (um para segurar a lâmpada e dois para girar a escada). Já se o sujeito for argentino, aí basta um só (ele segura a lâmpada e o mundo gira em torno dele). Também é necessário apenas um psicólogo, mas neste a caso a lâmpada precisa querer ser trocada. E assim por diante. A discussão é longa e complexa.

A foto é reproduzida de um cartão postal dos anos 40, época em que o conhecimento sobre esse assunto não estava tão desenvolvido. Por isso, em plena avenida 9 de Julho, a prefeitura trocava lâmpadas deste jeito tão rudimentar e singelo.

1016

3 comentários
  1. Sheila Schneck disse:

    Muito boa a foto! Além da singeleza dos trocadores de lâmpadas, a avenida está vazia!!!!!
    Coisa impensável agora.

  2. mcalliari disse:

    Grande reflexão sobre os pequenos mistérios da vida urbana, Martin! Belíssima foto, que demonstra também a maluquice de construir nas encostas tão estreitas disso que já foi um vale
    .

  3. Claudio B. Elias disse:

    Interessante como parece a 23 de Maio. No caso da 9 de Julho, a prefeitura cedeu aos interesses dos especuladores e liberou a construção nas encostas gramadas. Fizeram prédios estreitos e longos. Feiura total.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: